Nessa quarta-feira, 7/7, o presidente do SinHoRes Osasco – Alphaville e Região, Edson Pinto, representando a FHORESP (Federação Empresarial de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares do Estado de São Paulo), na qual é vice-presidente de Relações Institucionais e Governamentais, participou de reunião com representantes do governo do estado e de entidades representantes da categoria econômica do setor de Alimentação, quando discutiram a recuperação econômica do setor.

“Com o avanço, mesmo que lento, da vacinação, podemos pensar na retomada das nossas atividades. Fomos o setor mais atingido desde o início da pandemia, sofremos com as quedas drásticas nas taxas de ocupação hoteleira e o fraco movimento em bares, restaurantes e similares, quando abertos. Precisamos retomar nossas atividades de maneira integral para nos recuperarmos financeiramente, um processo que será lento”, afirmou Edson.

Na ocasião, Edson discorreu sobre a necessidade de redução do ICMS do setor de alimentação, que passou de 3.2% para 3.69%, um aumento injustificável de 15% e em plena pandemia. “O Estado do Rio de Janeiro acaba de aprovar, na ALERJ, a redução do ICMS para 3%, ficando bem abaixo de São Paulo”, concluiu.

Participaram da reunião, a Secretária Estadual de Desenvolvimento Econômico de São Paulo, Patrícia Ellen; o Subsecretário de Competitividade da Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado de São Paulo, Eduardo Aranibar; Fernando Blower, diretor executivo da ANR (Associação Nacional de Restaurantes); Luiz Pamplona, do escritório Dias e Pamplona; Joaquim Saraiva e Leonardo Ramos, da Abrasel SP, Sylvio Lazzarini, do Sindresbar e Julia Saluh da Comunicação do Governo.