O SinHoRes Osasco – Alphaville e Região, em uma iniciativa inovadora, está lançando o Observatório SinHoRes de Gastronomia – Hospitalidade & Turismo, um núcleo de pesquisas e inteligência de mercado.

De acordo com o presidente do sindicato patronal, Edson Pinto, o objetivo do Observatório será de analisar o comportamento do macro setor de turismo e seus equipamentos nos oito municípios da base de representação sindical (Osasco, Barueri, Carapicuíba, Itapevi, Jandira, Cajamar, Pirapora do Bom Jesus e Santana de Parnaíba), contribuindo para que se tornem destinos melhores para turistas, visitantes e moradores.

Uma ferramenta de gestão, planejamento e monitoramento do fenômeno turístico, o Observatório irá acompanhar o desenvolvimento do turismo; pesquisar dados, números e analisar os indicadores; levantar ocupações hoteleiras e outros dados referentes ao setor; mapear número de visitantes; traçar perfil dos turistas; apontar tendências no setor; divulgar informações no mercado turístico da região; editar publicações pontuais; entre outras iniciativas.

O presidente Edson ainda explica que as informações levantadas e analisadas serão dirigidas aos profissionais, especialistas, acadêmicos, agentes públicos e privados para auxiliar na tomada de decisão para conhecimento, aprimoramento e desenvolvimento do setor turístico, além da adequação dos modelos de gestão e operação dos equipamentos hoteleiros e gastronômicos. “Esperamos que através desse trabalho, as informações possam ser visualizadas de forma prática, fácil e rápida, auxiliando no planejamento de ações e na tomada de decisões por todos os envolvidos na atividade turística”, afirmou Edson.

A convite do SinHoRes, quem coordenará o Observatório será Eduardo Faraco, um dos maiores especialistas na área, e consultor do SinHoRes, além de bacharel em Hotelaria, Mestre em Turismo pela Schiller University, Londres/UK e Mestre em Turismo UCS/RS.

Perfil de Eduardo Faraco 

Possui experiência em Gestão e Operação de empreendimentos turísticos desde 1982, tendo atuado em 25 estados do Brasil, América do Sul e Europa, como consultor do Sebrae, Confederação Nacional do Turismo e Ministério do Turismo. Professor e Coordenador de Cursos Superiores de Hotelaria e Turismo, desde 1994, foi responsável por mais de 750 consultorias, assessorias, treinamentos e projetos de novos negócios no setor hoteleiro e de alimentação fora do lar. Implantou mais de 120 hotéis dos mais variados portes e classificações. É auditor de qualidade, administrativo financeiro, saneamento e reestruturação de empresas de hospitalidade.