Com grande potencial turístico, Santana de Parnaíba, base de atuação do SinHoRes Osasco – Alphaville e Região, teve sancionada, em fevereiro, a Lei 3675, que institui o Plano Diretor de Turismo na Cidade.

O texto aprovado descreve o Plano Diretor de Santana de Parnaíba como um “instrumento de planejamento capaz de orientar o desenvolvimento econômico, político, social e sustentável do turismo no município, visando melhorias das condições de vida de sua população, com inclusão social e respeito ao meio ambiente”.

Definido como um manual de administração do turismo para os gestores públicos, o Plano Diretor tem como objetivo desenvolver diretrizes para o desenvolvimento turístico sustentável, destacar as potencialidades do turismo na região e identificar o perfil do turista que frequenta a cidade. Além disso, integra um amplo projeto que a cidade vem desenvolvendo com o objetivo de ser incluída na classificação de Município de Interesse Turístico e Estância Turística (MIT).

Agora, o Plano Diretor deve ser protocolado na Secretaria de Turismo do Estado e será analisado. “Por toda a carga histórica e atrações turísticas que Santana de Parnaíba carrega, acredito que a cidade será reconhecida como Município de Interesse Turístico”, afirmou Edson Pinto, presidente do SinHoRes.

O SinHoRes Osasco – Alphaville e Região também vem desenvolvendo diversas ações para fomentar a gastronomia, hotelaria e o turismo da região. Além disso, o presidente Edson indicou como o representante titular do Conselho Municipal de Turismo de Santana de Parnaíba (COMTUR) o diretor regional do SinHoRes na cidade, Antônio Branco Junior, o Toninho, proprietário dos restaurantes Bartolomeu Chopp Bar e Emprestado di Buteco; e como suplente, Nelson Batista Neto, proprietário do Restaurante São Paulo Antigo.