Os turistas estrangeiros gastaram 6% a mais no primeiro semestre deste ano, se comparado o mesmo período de 2017, segundo divulgação do Ministério do Turismo. Em visita a destinos brasileiros no período, os viajantes deixaram no país US$ 3,24 bilhões, US$ 180 milhões a mais que na mesma época do ano passado (US$ 3,06 bi). O levantamento é do Banco Central do Brasil.

“Os dados reforçam que o turismo é um vetor da economia e como tal deve ser tratado”, comentou o ministro do Turismo, Vinicius Lummertz. A variação positiva acompanha a alta na chegada de turistas internacionais na época.

A entrada de turistas estrangeiros no Brasil aumentou 8% no primeiro semestre em relação ao ano anterior: foram 3,15 milhões de visitantes internacionais, segundo números preliminares do Ministério do Turismo; com base em dados da Polícia Federal.

Cinco dos seis primeiros meses de 2018 tiveram receita superior à do ano passado: janeiro (+17,8%), fevereiro (14,2%), abril (19,6%), maio (2,3%) e junho (0,5%). Já a despesa cambial turística, valor gasto pelos brasileiros no exterior, caiu em junho. Passou de US$ 1,51 bilhão (2017) para US$ 1,49 bi, o que corresponde a -1,5%. No acumulado do ano, no entanto, a despesa cambial foi de US$ 9,57 bilhões correspondendo a um percentual de 8,72% superior ao mesmo período de 2017 (US$ 8,81 bilhões).

Fonte: Folha de Alphaville