Nessa quarta-feira, 10/6, o presidente do SinHoRes Osasco – Alphaville e Região, Edson Pinto, representando também a Fhoresp (Federação de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares do Estado de São Paulo), na qual é também vice-presidente de Relações Institucionais e Governamentais, participou de reunião virtual do Grupo Econômico do Governo, quando pode falar diretamente com o governador de São Paulo, João Dória.

Na oportunidade, Edson reforçou a solicitação do setor de bares e restaurantes serem reenquadrados na Fase 2 – Laranja de reabertura das atividades econômicas. Hoje, o setor poderá reabrir, com menos da metade da capacidade, apenas na Fase 3 – Amarela, o que trará um prejuízo ainda maior tanto social quanto econômico.

“Nosso setor representa o maior gerador de emprego do estado! Vale ressaltar também que empregamos pessoas sem qualificação técnica, muitas até no primeiro emprego. Essa característica poderá ajudar o governo na crise da empregabilidade, que com certeza enfrentaremos”, afirmou o presidente.

Edson ainda falou sobre a Medida Provisória 936, que já expirou, e o crédito que não é liberado, principalmente, aos micros e pequenos empresários. “Estamos há 80 dias fechados, mas nosso setor quebra depois de 16 dias sem faturamento, de acordo com estudo da JP Morgan Chase Institute. Já estamos vivendo um quadro dramático e só irá piorar se demorarmos ainda mais para reabrir. Vale sempre lembrar que reabriremos seguindo todos os protocolos higiênico-sanitários para garantir a saúde dos clientes e trabalhadores”, afirmou.

O presidente do sindicato empresarial ainda falou sobre as milhares de pessoas que sairão às ruas para voltar a trabalhar com a reabertura de outros segmentos e chamou atenção para a falta de estabelecimentos de alimentação fora do lar abertos para proporcionar uma refeição saudável e econômica.

Confira a fala de Edson durante a reunião com o governador!