Nesta segunda-feira, 30/11, o governador de São Paulo, João Doria, anunciou em coletiva de imprensa, a volta de 100% do Estado para a Fase 3- Amarela, do Plano São Paulo, a partir do dia 02/12, quarta-feira.

Apesar da regressão da fase da quarentena, as empresas do setor não terão que suspender suas atividades. As cidades da base do SinHoRes Osasco – Alphaville e Região estavam desde o começo de outubro na Fase 4 – Verde do plano, mas devido ao aumento de casos do novo coronavírus nas últimas semanas o governo regrediu a fase da quarentena em todo o estado.

Para o presidente do sindicato empresarial, Edson Pinto, é essencial que o Protocolo Higiênico Sanitário do SinHoRes (vide e-book), seja cumprido à risca. “Já que as cidades de nossa base voltaram para a Fase Amarela, não podemos correr o risco de retroceder novamente, ou que as empresas sejam penalizadas e até fechadas por não seguirem as orientações”.

Nesta fase, os estabelecimentos poderão funcionar com capacidade limitada a 40%; horário de funcionamento até às 22 horas e por apenas dez horas por dia; eventos com público em pé estão proibidos.

MAS ATENÇÃO: para voltar a nossa região às regras da Fase Amarela do plano São Paulo, o SinHoRes aguarda manifestação e os Decreto dos prefeitos de cada cidade da base.

Aqui no site do SinHoRes também é possível acessar o e-book Protocolos Covid-Free  para orientar os empresários, entidades civis e sindicais para ações corretas na retomada da atividade econômica dos setores de Gastronomia, Hotelaria, Turismo e Eventos aqui; além dos protocolos sanitários, tanto intersetorial quanto de orientações segmentadas, do governo de São Paulo aqui.