Nessa sexta-feira, 9/4, o governo paulista anunciou que o estado de São Paulo voltará para a Fase Vermelha do Plano São Paulo a partir de segunda-feira, 12/4, que irá durar ao menos até o dia 18/4, quando novo anúncio deve ser feito.

Para o setor de bares, restaurantes e similares, a principal novidade é a permissão oficial para a retirada de pedidos de comida diretamente nos restaurantes, na calçada e sem aglomeração. Essa autorização atende uma solicitação do SinHoRes e da FHORESP (Federação da Categoria) feita pelo presidente Edson Pinto.

O consumo dentro dos estabelecimentos continua proibido.

O SinHoRes enviou ofícios e está se reunindo com os prefeitos da região, pressionando por uma flexibilização da Fase Vermelha. Mais ações da entidade estão sendo preparadas para a próxima semana.

Segundo Edson Pinto, o setor está em “colapso” e “não há ajuda efetiva do Governo Federal, Estadual ou dos Municípios. A situação é dramática para milhares de trabalhadores que estão sendo demitidos porque as empresas estão quebrando uma atrás da outra e, a impressão, é que o poder público parece que não querer ver essa realidade”.

Clique aqui e confira informativo do Departamento Jurídico do SinHoRes!