A região Oeste vai ganhar um roteiro turístico. A publicação, com as principais atrações de cada cidade, serviria de guia aos turistas interessados em visitar as cidades. Esse foi o principal tema debatido entre representantes de nove municípios , além da Casa Civil do governo de São Paulo e do Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial), durante a Reunião de Trabalho Negócios e Cultura, realizada no Centro de Eventos de Barueri.

No encontro, ficou decidido que o primeiro passo será realizar um levantamento hierarquizado dos pontos atrativos turísticos de cada município, conforme critérios apresentados pelo Ministério do Turismo. O guia traria as principais atrações de Barueri, Osasco, Jandira, Itapevi, Carapicuíba e Cajamar, cidades da base do SinHoRes, além de Franco da Rocha, Francisco Morato e Caieiras. Em 2017, essa região foi incluída no mapa do turismo nacional.

Dentre esses municípios, Osasco trabalha na implantação de um Conselho de Turismo. Além disso, registra crescimento no chamado turismo de negócios, com hospedagem para pessoas que vem à região para trabalhos temporários ou participar de cursos e seminários. Barueri também é forte nesse segmento, principalmente na região de Alphaville Tamboré. Já Carapicuíba está em fase de aquisição do selo de Município de Interesse Turístico. A cidade aposta no potencial turístico da Aldeia de Carapicuíba, que foi uma das 12 criadas pelo padre José de Anchieta. Ainda na região, Itapevi acaba de anunciar a criação de um museu, que será o primeiro da cidade, no local onde estava, até o início de junho, a sede da prefeitura, no Centro.