Começou nesta quarta-feira, 2/12, a valer a determinação do governo para que todo o Estado de São Paulo retrocedesse para a Fase 3-Amarela do Plano São Paulo, após aumento de casos de covid-19.

Hoje também foi a vez das cidades de Barueri e Itapevi oficializarem por meio de decreto a regulamentação das cidades para a Fase Amarela. Osasco e Carapicuíba haviam oficializado a decisão através de decretos oficiais.

O Governo do São Paulo deve reavaliar novamente todo o Estado no dia 4 de janeiro de 2021.

Durante a Fase Amarela as empresas do setor não terão que suspender suas atividades. As novas regras são: os estabelecimentos poderão funcionar com capacidade limitada a 40%; horário de funcionamento até às 22 horas e por apenas dez horas por dia; eventos com público em pé estão proibidos.

O presidente do Sindicato empresarial, Edson Pinto, reforça que nesse momento o setor deve seguir a risca todos protocolos higiênicos sanitários disponíveis em nosso site, no E-book Protocolos Covid-Free. O material orienta os empresários, entidades civis e sindicais para ações corretas na retomada da atividade econômica dos setores de Gastronomia, Hotelaria, Turismo e Eventos (baixe aqui).

Confira os decretos: