Neste momento desafiador, criar alternativas de preparo e de entrega para seus pratos, visando atender os pedidos a distância que devem aumentar neste período, pode ser uma excelente oportunidade para manter as vendas e também a clientela.

Preparamos algumas dicas para você se adaptar.

  • Monte um espaço exclusivo para os entregadores (motoboys):

– O fluxo de entregadores entrando e saindo do restaurante pode incomodar seus clientes, mesmo em momentos com pouco fluxo. Reserve um local só para eles.

  •  Pense em embalagens específicas para Delivery de alimentos:

– Garanta a qualidade para que o prato chegue ao destino com uma boa apresentação.

  •  Escale um time dedicado para o serviço de Delivery:

– É importante ter alguém para receber os pedidos, organizar, embalar, despachar e gerenciar os entregadores;
– Explore sua região com entregas à pé feitas pela própria equipe para atender os vizinhos de forma mais rápida;
– Comunique os vizinhos e clientes habituais sobre o serviço de Delivery.

Implemente mudanças na cozinha

  • Adapte sua linha de produção:

– No caminho entre seu restaurante e o local de entrega, os pratos seguem cozinhando dentro da embalagem. Tenha isso em mente ao calcular o preparo de todos os pratos, em especial carnes e massas;
– Entregas em climas mais quentes e úmidos podem modificar a apresentação dos pratos. Nestes casos, prefira ingredientes que não se alteram tanto e embalagens de qualidade.

  • Pense em um cardápio dedicado:

– Nem todos os pratos do seu cardápio se comportam bem no sistema Delivery;
– Faça alguns testes para avaliar como os pratos chegariam aos seus clientes. É provável que, neste período, as pessoas prefiram pedir as opções mais saudáveis do cardápio.

  • Olhe para o Delivery como você olha para o salão:

– O cliente do Delivery tem tanta pressa quanto o do salão. Cuide para não priorizar o salão e deixar a fila do Delivery crescer;
– Escolha parceiros seguros: como os entregadores manuseiam os pedidos? Como os pedidos são transportados? A empresa tem um bom rastreamento?

Destaque os pratos saudáveis que você tem no menu

  • Identifique uma seleção de pratos que são ótimos para aumentar a imunidade e coloque-os no topo do seu menu – de preferência dentro de uma seção “Fortalecimento de imunidade” para chamar a atenção;
  • Destaque os aspectos e ingredientes saudáveis desses pratos, adicionando seus benefícios à descrição de cada um;
  • Trabalhe com empresas de delivery para promover sua seleção de pratos saudáveis.

Forneça um grande valor com pratos prontos

  • Clientes gostam de ver valor no que estão comprando e os pratos prontos são um excelente custo-benefício. Os pratos prontos também facilitam as decisões de compra, pois os clientes podem obter alimentos e bebidas (e talvez até mesmo uma entrada) em um conjunto, em vez de precisar comprá-las separadamente e ter custos adicionais de entrega.

Certifique-se de incluir opções de refeições prontas para grupos de todos os tamanhos

  • De individuais a famílias inteiras. A regra de ouro de um bom menu de delivery é simplificar a decisão de compra, para que os clientes passem da escolha para a confirmação do pedido rapidamente (sem consultar o menu de outro restaurante) antes de comprar o seu.

Uma boa seleção de opções deve (pelo menos) incluir:

– Refeições individuais;
– Pratos prontos para dois;
– Opções para famílias de 4 a 6 pessoas.

Garanta que as opções no delivery superem as expectativas

  • O menu de delivery não deve ser simplesmente uma versão digital dos menus físicos do restaurante. Quando se trata de competir no delivery, tudo conta. Estas são algumas dicas rápidas:

– Selecione um menu que entregue bem (e rápido!);
– Escolha fotos apetitosas para atrair clientes;
– Use embalagens de qualidade, à prova de vazamentos;
– Ofereça promoções em conjunto com as empresas de delivery;
– Entregue pontualmente.

Veja como mercado está reagindo neste momento

  • Como estão seus concorrentes?

– Entre em aplicativos como Ifood/Rappi e similares e veja o que os estabelecimentos da sua região estão oferecendo: produto, preço, avaliações, área de entrega, etc.

  • O que seus clientes estão falando?

– Acompanhe sempre os comentários e seja rápido ao perceber algum cliente insatisfeito.

Fonte: Unilever Food Solutions